22º livro do ano

"Tem alguém aí?", de Marian Keyes

Contrariando princípios básicos de minhas leituras, emendei dois Marian Keyes, morrendo de medo de me arrepender, achar repetitivo etc, etc...
NO ENTANTO...
Lindo, emocionante... Um livro para rir e chorar mesmo. Tem passagens hilárias mesmo, de gargalhar. Em outros momentos da história, você lê com um nó na garganta...
A história é de mais uma integrante da família Walsh, Anna. Quem já leu "Melancia", "Férias!" e "Los Angeles", sabe que apesar de todos os dramas desse povo, sempre se tem algo a rir e rir mesmo! Apesar disso, Anna está passando por um drama pessoal terrível - o livro começa com ela toda machucada, sendo cuidada por mamãe Walsh e você leva alguns (poucos) capítulos para descobrir o que de fato aconteceu. Mas, quando a verdade vem a tona, é uma dor na alma...
Marian Keyes tem esse dom de fazer você, de alguma maneira, identificar-se com os personagens, o que te faz ter amor pela história - a tal da empatia. É uma narrativa empolgante, porque você quer saber até onde ela irá, se terá coragem... mesmo depois de uma descoberta que também a machuca.
O final é lindo, lindo, lindo...me levou às lágrimas!
Mais um da Keyes que podem falar o que quiser: que é literatura de mulherzinha, que é água com açúcar...mas a verdade é só uma: É UMA DELÍCIA DE LEITURA! 
Indicadíssimo!

Comentários

Postagens mais visitadas