O que Paty faria? #1

Estava eu aqui pensando umas coisas...

                                           Fernand Toussaini, pintor belga (1873-1956)
                                                                 "A quiet moment"


Esse ano eu comprei muito, mas muito livro. Pelo meu controle (sim, eu anoto isso também) eu já comprei 86 livros em 2016, ou seja, 20 livros a mais do que eu li até agora... Isso me fez pensar em muitas coisas.

Eu sempre gostei de ler. Minhas primeiras lembranças como leitora vem dos gibis da Turma da Mônica, do Walt Disney (Pato Donald, Margarida, Zé Carioca...) e Luluzinha (que eu amava). Primeiro, somente as figuras, depois as letras ganhando vida e complementando a história. 

Depois dessa fase, veio a fase dos livros. Eu estudei em escola pública minha vida inteira e, ao contrário de hoje, o que tínhamos era uma biblioteca pouco atualizada (lembrando que meu período de escolarização coincidiu com a queda da ditadura militar, ou seja, tudo no país estava estagnado ainda, tentando refazer-se) e nada acessível. Mesmo em sala de aula não havia livros paradidáticos. Eu me lembro de ler os textos dos livros didáticos e ver que eles haviam sido retirados de um livro e ter muita, mas muita vontade de ler aquele livro... Mas nem ter ideia de onde procurar. Em casa, havia uma coleção de três livrinhos com contos de fada clássicos, que logo devorei quando aprendi a ler. Depois, veio minha prima e inspiração, Maria Thereza, nove anos mais velha do que eu e com alguns livros incríveis para emprestar! Foi por causa de minha "Tata" que li Alice (no país das maravilhas e através do espelho), Monteiro Lobato (vários... e amava a Emília!) e um livro lindo, ricamente ilustrado que não tenho a menor noção de como se chamava... Mas que tinha lindas fábulas e lendas africanas... Algumas ainda estão na minha memória, mesmo após tanto tempo... E essa é uma das mágicas da leitura: marcar para sempre.


(imagem de http://breathingbooks.tumblr.com/post/18881271045/ilovereadingandwriting-via-piccsy-hidden)


Na escola nunca fui obrigada nem solicitada a ler nada. Lembro que minha primeira professora a se preocupar em deixar livros disponíveis em sala de aula para que pudéssemos ler foi na antiga quarta série (hoje quinto ano do ensino fundamental), a dona Lourdes (isso em 1988, quase era mesozóica...rs). Ela pediu doações de livros, organizou uma caixa que ficava disponível no fundo da sala. Eu li todos os livros dali, inclusive Robinson Crusoe. Lembro que achei incrível ter achado em meu livro didático de português um texto retirado desse livro que tínhamos em sala - mesma edição e tudo! Mostrei para a professora e ela mostrou minha descoberta para a classe. Fiquei muito orgulhosa de mim!

Passei uma época muito "perrengue" em minha vida adulta em que outras preocupações ocuparam o lugar dos livros. Mas sempre lia jornais, revistas e tudo o que pudesse e conseguisse. Muitas escolhas erradas me levaram a ter que trabalhar para ganhar pouco e saldar dívidas por um bom tempo. E eu sempre dizia que aquele tempo passaria e eu queria comprar pelo menos um livro por mês, para ser meu, só meu. Minha biblioteca...

Alguém já disse de um jeito bonito que a beleza da vida é ter certeza de que tudo vai passar, bons e maus momentos.

(retirado de http://bookmania.me/post/151283479162/the-library-is-inhabited-by-spirits-that-come-out)

E meu mau momento passou.

Hoje, com todos os aspectos de minha vida melhores, pude concretizar o desejo de iniciar uma pequena biblioteca particular, um sonho mesmo, um capricho meu. Tenho mais de 300 livros aqui em casa, isso sem contar aqueles que pretendo passar adiante, já que não me agradaram ou eu não pretendo reler. E, lógico, sigo expandindo.

MAS...

Eu sou uma leitora. É isso que sou e é o que quero ser sempre. Não quero ser uma compradora de livros. Esse ano, eu me empolguei, pois além dos doze livros da TAG  (de que já falei várias vezes aqui no blog), eu comprei muito livro. Meu hábito era sempre estar lendo um e ter dois ou três na fila de "próximos". Pois bem, este ano minha fila de "próximos" (ou seja, aguardando serem lidos) está em 50 livros. CINQUENTA LIVROS. Isso sem considerar os que já estão no meu Kindle... 

É LIVRO PRA CARAMBA!!!!

Eu acho muita coisa e não algo do qual me orgulho. Por que? Porque não tem necessidade disso! Eu poderia ter todos esses livros aqui em casa do mesmo jeito, só que aos poucos, lendo um antes da próxima aquisição. Não quero ser uma acumuladora de livros. Até porque se for só pra comprar, melhor abrir uma livraria do que uma biblioteca.

Noto claramente uma (na minha opinião) melhora na qualidade dos livros que tenho lido. Variei mais os gêneros (lia basicamente romance, thriller, romance policial e King, com pouquíssimas variáveis). Hoje contabilizo clássicos, ficção científica, séries... E estou muito feliz com isso. Mas quero ler, não apenas ter os livros.

POR ISSO...

...para o próximo ano, logo em janeiro, quero começar o projeto "10 pra 1", parecido com um que a Tati Feltrin fez em seu canal há um tempo atrás (acho que não foi bem um projeto, mas uma decisão... Ela comentou num vídeo que não estou encontrando agora, mas é mais ou menos isso aqui que a Nina explica neste vídeo). Antes que estes cinquenta virem 150 (sou compulsiva, eu me conheço), pretendo fazer assim: a cada dez livros lidos, uma compra será considerada ( a Tati ainda fez a cada dez lidos UM será comprado, mas não tenho tanto autocontrole assim rsrsrs Considere "compra" como UMA aquisição... pode ser UM, ou DOIS ou uma oferta... entendeu?) Pretendo assim colocar para andar minha fila de espera. Desopilar minha estante. E, lógico, ainda sou assinante TAG, então um livro por mês sempre chegará. Mas eu comprar, só depois de ler dez. Essa é a meta.


Imagem de http://bookmania.me/

Nada contra quem pensa diferente, ou acha legal acumular livros e lê-los aos poucos - cada um no seu cada qual. Eu quero minha estante e consciência limpas! 

Espero que dê certo. 👀

Está oficialmente decretada a segunda meta literária do ano de 2017. A primeira continuará sendo ler 100 livros ou mais!

imagem:http://resenhasalacarte.com.br/tag/livros-mais-vendidos/

Comentários

Postagens mais visitadas